Seminário discute influência de Burke sobre a visão da política moderna

O grupo de Estudos Burke, do Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) realiza, neste sábado (11), o I Ciclo de Debates Edmund Burke, que tem como objetivo discutir a obra do intelectual britânico e a sua influência sobre a análise da política moderna. O evento tem início às 8h, no Auditório M do Instituto de Linguagens (IL).

Edmund Burke
Sua principal expressão como teórico político é a crítica que formulou à ideologia da Revolução Francesa, manifesta em Reflexões sobre a revolução na França e sobre o comportamento de certas comunidades em Londres relativo a esse acontecimento, de 1790. Essa obra se tornou o modelo das atitudes contra-revolucionárias na Inglaterra e outros países da Europa. Nela, Burke ressalta o conceito de direito natural, que atribui à vida física e espiritual do homem grande autonomia dentro da estrutura maior da sociedade, desde que não fira a harmonia geral desta. Essas ideias transformaram Edmund Burke em um teórico do conservadorismo, que postulava o crescimento orgânico das sociedades, ao invés das reformas violentas. Suas reflexões sobre a ideologia revolucionária não só orientaram de maneira decisiva a opinião pública da Inglaterra contra a reestruturação política francesa, como passaram a constituir, para o homem inglês, o senso comum da validade do status e da hierarquia. (Fonte: http://educacao.uol.com.br/biografias/edmund-burke.htm)

Programação

Abertura: 8h
Apresentação de trabalho: 8h10 às 8h40
“O conceito de ‘política da prudência’ na obra de Burke” – Dr. Joel Paese
Debate: 8h40 às 09h
Debatedores:
José Tempesta
Gabriel Rodrigues Leal
Discussão: 09h às 10h

Apresentação de trabalho: 10h10 às 10h40
“Abstração e experiência no pensamento de Burke”
Fabrício Jean Silva Aquino
Debate: 10h40 às 11h
Debatedores:
Gustavo Corrêa
Augusto Tomazini de Araújo
Discussão: 11h às 12h
Encerramento: 12h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *